Estresse: conheça os sintomas, causas e como tratar!

De forma simplificada, estresse nada mais é do que uma reação natural do corpo a situações extremas, nas quais o organismo libera hormônios como adrenalina e cortisol para que nos preparemos para agir. Desse modo, entramos em um estado de êxtase para que possamos ter o melhor desempenho possível, tanto mental quanto fisicamente, e é neste ponto que os sintomas de estresse se manifestam.


Biologicamente falando, é correto afirmar que um dos responsáveis pela sobrevivência da espécie humana é o estresse. Contudo, principalmente nos tempos em que vivemos, ele tem se tornado um problema social, afetando a qualidade de vida de uma grande parcela da população e desencadeado uma série de doenças e transtornos.


Quando uma pessoa é submetida a situações estressantes continuamente, como relacionamentos abusivos, cobranças no trabalho, falta de dinheiro, etc, ou experiências traumáticas, ela pode acabar entrando em um quadro crônico de estresse, e o que deveria ser apenas uma exceção, passa a desgastar a mente e o corpo.


Quais são as causas do estresse?


É evidente que o estilo de vida moderno — no qual a rotina das pessoas está se tornando cada vez mais agitada e repleta de cobranças — tem aumentado o nível de estresse. Além disso, a forte presença tecnológica tem impulsionado o volume de informações que consumimos todos os dias, nos trazendo notícias sobre tragédias e acontecimentos políticos e socioeconômicos que despertam sentimentos negativos.


Tudo isso somado a maus hábitos alimentares, pressão no ambiente profissional e familiar, estão entre os principais fatores que desencadeiam quadros de estresse. Porém, os motivos que levam as pessoas a terem o índice de estresse elevado não param por aí. Podemos citar também:


  • estressores cotidianos — situações estressantes do dia a dia como conflitos no trabalho, trânsito, insatisfação com o próprio corpo, etc;

  • estressores traumáticos — choques e acontecimentos emocionais que não são processados adequadamente pelo indivíduo, como a morte de um ente querido, gerando estresse;

  • estressores crônicos — problemas duradouros que acabam desencadeando quadros de estresse como desemprego, preocupações financeiras, excesso de trabalho, separações, entre outros.

Quais são os sintomas do estresse?


Quando o estresse atinge o estado crônico, começa a afetar a qualidade de vida do indivíduo e apresenta uma série de sintomas comportamentais, físicos e emocionais, como:


  • cansaço acima do normal — ainda que a pessoa não tenha realizado atividades fisicamente desgastantes;

  • tensão;

  • dor de cabeça;

  • insônia;

  • irritação;

  • crises de choro;

  • queda de cabelo;

  • transtornos alimentares — comer demais ou de menos;

  • falta de libido;

  • sensação de desgaste;

  • problemas de memória;

  • falta de motivação;

  • bruxismo;

  • queda de rendimento no trabalho ou nos estudos.


A pessoa que manifesta algum desses sintomas, não apenas vive uma vida de baixa qualidade, como também pode desenvolver problemas de saúde, como:


  • imunidade baixa;

  • ansiedade;

  • TOC;

  • crises de pânico;

  • alergias;

  • depressão;

  • infarte;

  • AVC

  • asma.

Como tratar estresse?


O tratamento de estresse deve ser realizado com a ajuda de um profissional que esteja apto a diagnosticar o problema, com base nas especificidades de cada paciente, tendo como finalidade encontrar soluções que reduzam os impactos em seu cotidiano.


A hipnoterapia é uma ótima forma de tratar estresse, pois ajuda o indivíduo a identificar as raízes dos problemas que têm causado o problema, além de proporcionar técnicas de auto hipnose que podem ser utilizadas durante o dia a dia para controlar o estresse e devolver a qualidade de vida ao paciente.


Em casos mais graves, além da hipnose para tratar estresse, pode ser recomendada uma intervenção psiquiátrica para que medicamentos específicos sejam administrados, auxiliando na redução dos níveis de estresse do paciente.


Antes de concluirmos, é importante lembrar que há uma série de medidas que devem ser incorporadas à rotina para diminuir o estresse, como:


  • praticar atividades físicas;

  • ter uma alimentação saudável;

  • meditar;

  • ter um hobby;

  • dormir regularmente;

  • cultivar a vida afetiva;

  • reduzir o consumo de café o açúcar.


Como você pôde conferir neste artigo, o tratamento de estresse com hipnose é altamente recomendado para pessoas que apresentam os sintomas que abordamos no decorrer do conteúdo. Contudo, também é preciso que o indivíduo evite ao máximo se colocar diante de fatores estressantes, além de acrescentar hábitos prazerosos em sua rotina.


Está sofrendo mais estresse do que o normal ou conhece alguém que esteja? Então que o acha de agendar uma consulta de hipnose em Santos para iniciar um tratamento? Entre em contato com a gente para saber mais!

160 visualizações

(11) 95550-2907  /  (13) 99717-6375     /     E-mail: clinicasheknah@gmail.com

Santos: Av. Conselheiro Nébias, 754, Conj. 2508/1813, Boqueirão, Santos - SP

São Paulo: Vila Madalena e Conjunto Nacional (Av. Paulista)

  • w-facebook
  • w-tbird
  • google+